João Pessoa comemora 432 anos de emancipação política

João Pessoa comemora 432 anos de emancipação política

A cidade de João Pessoa na Paraíba completa 432 anos neste sábado, dia 05 de Agosto, mas a festa já começou pela cidade. Diversas barracas, atrações e uma oficina de robótica irão agitar a cidade ao longo do fim de semana.Terceira cidade mais antiga do Brasil, conhecida como “Porta do Sol”, por estar localizada na Ponta do Seixas, ponto mais oriental das Américas, a aniversariante do dia encanta turistas do país inteiro e de outras nacionalidades com seu vasto patrimônio histórico, clima tropical e toda a riqueza de suas belezas naturais e áreas verdes, que também lhe garantiram o título de segunda cidade mais verde do mundo, ficando atrás apenas de Paris.

João Pessoa, que foi fundada em 05 de agosto de 1585 com o nome de sua padroeira “Nossa Senhora das Neves”, depois passando por “Filipeia de Nossa Senhora das Neves”(em 1588), Frederikstad (em 1634 ) e “Parahyba do Norte” (em 1654) até chegar a sua denominação atual, nasceu nas margens do rio Sanhauá, e é também a mais populosa do Estado. É a 8ª da Região Nordeste e 3ª do Brasil, com cerca de 769. 604 habitantes, distribuídos em sua expansão territorial de 93,2 km² de total área urbana, composta por 65 bairros e um litoral de cerca de 24 km de extensão de suas nove praias.

Principal centro financeiro e econômico do Estado, representando 30,7% das riquezas produzidas na Paraíba e tendo um produto interno bruto duas vezes maior que o de Campina Grande, ela e uma das capitais que mais cresce no Nordeste Oriental e Setentrional. Conta com dois distritos industriais em desenvolvimento, um na BR-101 e outro no bairro de Mangabeira. É também é uma das três capitais que proporcionalmente possuem o maior número de famílias da classe A no Nordeste e a 2ª capital mais saneada da Região, segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vagas (FGV) com dados do Censo de 2010, assim como Recife e Aracaju.

O turismo, seja ele de negócios ou de eventos, tem sido um grande produtor de renda e gerador de empregos em João Pessoa, inclusive atualmente com o funcionamento do seu Centro de Convenções Poeta Ronaldo Cunha Lima, que tem atraindo vários eventos nacionais e internacionais de grande porte. O comércio também possui grande participação econômica na cidade, seja o de rua, grande parte instalado no Centro da cidade, como também nos seus sete Shopping Centers (um deles em construção) e em seus três Centros de Compras. Em relação à religiosidade, João Pessoa, é ainda predominada por católicos, mas possui 16% de evangélicos  e 7,41% de espíritas.

Parque industrial

João Pessoa possui o maior parque industrial e complexo do Estado, formado por diversos segmentos: alimentos, automobilístico (bugres), bebidas, bentonita, cimento, concreto, couro, metalúrgico, móveis, ótica, papel, pisos cerâmicos, química, têxtil, tecnologia da informática, dentre outros.

Centro de Educação e Comunicação

Conta com quatro instituições públicas de ensino superior e quase 20 privadas. Também é o maior Centro de Comunicação da Paraíba onde atuam as filiadas das mais variadas emissoras de TVs nacionais, além de rádios AM, FM e comunitárias, portais de notícias, jornais impressos e revistas. Quanto à telefonia fixa, seis companhias telefônicas atuam no município: Oi Fixo, TIM Fixo, Vivo Fixo, Net Fone (via Embratel), Livre Embratel e GVT. Já na telefonia móvel, Oi, TIM, Vivo e Claro mantêm cobertura na região.

Transporte Público

O transporte público na cidade de João Pessoa é feito, em grande parte, por linhas de ônibus, sendo uma das capitais com a maior frota de ônibus do Nordeste, 480 veículos, vários com equipamentos de acessibilidade e que operam em 82 linhas com o Sistema de Bilhetagem Eletrônica controlado por seis empresas, para um público de cerca de 300 mil passageiros. Porém, a média de idade dos veículos na capital da Paraíba é inferior à do País.  Existe também uma linha de trem da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), de circulação diária, que cobre a maior parte da Região Metropolitana, com extensão de 30 km. Conta com nove estações de passageiros e transportam aproximadamente de 13. 000 passageiros em 25 viagens diárias.

Aeroporto e Rodoviário

A rodoviária, para transporte intermunicipal, localiza-se no bairro do Varadouro e permite a conexão de ônibus com outras 222 cidades do Estado e dos demais Estados do Brasil.A cidade também conta com o Aeroporto Internacional Presidente Castro Pinto, localizado na cidade vizinha Bayeux, dentro da região Metropolitana e distante 13 km do Centro de João Pessoa. Oferece um voo internacional semanal e outros 16 voos nacionais diários, das companhias Azul, TAM e Avianca. Para voos de menor escala, a cidade conta com um Aeroclube, no bairro homônimo da Capital. O mesmo opera com aviões e jatinhos particulares e conta com pista de pouso sinalizada.

Atrativos turísticos

Uma das capitais que emerge como um forte destino turístico no Nordeste do Brasil é João Pessoa, cidade que vem apresentando grande crescimento do fluxo de visitantes todos os anos. Entre as suas localidades históricas mais visitadas estão: Casa da Pólvora, Casarão 34, Casarão dos Azulejos, Fonte do Tambiá (localizada no Parque Arruda Câmara), Fonte de Santo Antônio (localizada no Conjunto São Francisco), Fábrica de Vinho de Caju Tito Silva & Cia (tombada pelo Iphan), Forte de Santa Catarina (localizado no município de Cabedelo), Hotel Globo (Centro Histórico), Palácio da Redenção, Porto do Capim, bem como ainda a belíssima arquitetura de suas igrejas: Igreja da Ordem Terceira de São Francisco (tombada pelo IPHAN), Igreja de Santo Antônio, Igreja São Frei Pedro Gonçalves, Igreja do Carmo (tombada pelo IPHAN), Igreja da Misericórdia (tombada pelo IPHAN), Igreja (Catedral Basílica) de Nossa Senhora das Neves (tombada pelo IPHAN).

Museus

Outros pontos bastante visitados em João Pessoa são: Parque Sólon de Lucena (Mais conhecido como Lagoa), Parque Arruda Câmara (Zoológico), Parque Parahyba (Em Projeto) e o Complexo Natural da Ilha da Restinga, como também seus monumentos como: Farol do Cabo Branco, Farol do Cabo Branco, Praça dos Três Poderes, Estação Cabo Branco, Obelisco da Praça da Independência, Ponto de Cem Reis, A Pedra do Reino, Monumento Augusto dos Anjos, Monumento Livardo Alves (Ponto de Cém Reis), Monumento Busto de Tamandaré, Memorial João Pessoa (onde possui os restos mortais do ex-presidente) – Jardins do Palácio da Redenção Arquivo dos Governadores, Museu Cultural do Centro de São Francisco, Museu Fotográfico Walfrêdo Rodrigues, Museu José Lins do Rego, Casa do Artista Popular, Espaço Energisa, Da Terra e do Homem – UNIPÊ, Memorial Augusto dos Anjos, Museu e Cripta do Presidente Epitácio Pessoa – Subsolo do Palácio da Justiça, Pinacoteca da UFPB, Museu da Estação Ciência, Arquivo Histórico do Estado da Paraíba e Museu José Américo de Almeida.

Teatros e Cinemas

A cidade conta com 13 teatros e cinco Cinemas, além das Galerias de Arte: Galeria Gamela, Estação das Artes, Núcleo de Arte Contemporânea (NAC), Galeria Usina Cultural Energisa, Centro Cultural São Francisco, Galeria Archidy Picado (Espaço Cultural), Louro e Canela Arte Contemporânea e Galeria de Arte (Zarinha Centro de Cultura). Nesta quarta, inaugura-se o Teatro A Pedra do Reino, um dos maiores do País.

Estádios, Clubes e Ginásios

Um dos mais importantes da cidade é o Estádio José Américo de Almeida Filho ou simplesmente “Almeidão”, localizado no bairro do Cristo Redentor. Outros estádios importantes são o Mangabeirão e o Estádio da Graça. Possui os Clubes de futebol Botafogo, Auto Esporte Clube e Centro Sportivo Paraibano. Conta também com três Ginásios poliesportivos, Ronaldão, Vila Olímpica e Vila Olímpica do Valentina.

Leia no Paraíba Total.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *